27 de Janeiro de 2018

A senhora e a soberba

Um episódio bastante empoeirado e carcomido pelo tempo. O telegrama que recebo do meu inventário temporal informa que lá se vão pouco mais de duas décadas. […]
21 de Janeiro de 2018

A vigorexia e o sibito

Com a certeza que “se der certo não tem como dar errado” – cumpriram fielmente o script que inaugura o princípio da jornada e antecede o […]
10 de dezembro de 2017

O poste, o xixi, o cachorro e o jornalista.

Pizzas redondas – umas tantas de mozzarella, outras tantas para todos os gostos. Conversas desencontradas sem o menor constrangimento caminham sobre as mesas e buscam os […]
20 de novembro de 2017

Quantos anos eu tenho

Com os quilômetros acumulados – sempre dando um passo de cada vez – a duras penas – aprendi a caminhar por entre os fractais que compõem […]
30 de outubro de 2017

Deslembrança

Faz parte da nossa rotina conversar com peregrinos e peregrinas que concluem o Caminho do Sol, pois além do tradicional e domingueiro “cafécomprosa” temos o privilégio […]
18 de outubro de 2017

Ho´oponopono

Com os miolos cozidos e marinados pelas constantes horas “caminhando contra o vento, sem lenço sem documento no sol de quase dezembro”.  Saudoso e revolucionário 1967 […]
7 de outubro de 2017

Aqui pode tudo

Ao longo dos caminhos uma das grandes revelações que tive foi a certeza que o ser humano é um mosaico multicolorido e multifacetado – eu incluso […]
18 de setembro de 2017

Caminhada cognitiva

À medida que os quilômetros caminhados aumentam e  vão se acrescentando à  vida, talvez no mesmo ritmo que rareiam os cabelos e surgem os filhos dos […]
22 de julho de 2017

De quem é a culpa

Uma das características, que vez por outra me coloca em alguma situação desconfortável é ser desbragadamente desorganizado e esquecido. Mas como temos que botar o universo […]